Mulher é vítima de feminicídio em Iguatu
Mulher é alvo de feminicídio em Iguatu

Mulher é vítima de feminicídio em Iguatu

Na tarde dessa segunda-feira, 28/02, a polícia foi acionada por vizinhos que ouviram 5 tiros vindo da residência da enfermeira, Mayara Tiemi de Lima Melo de 32 anos e do seu ex-marido, Jucier Melo, na rua José de Alencar no bairro Tabuleiro em Iguatu e constatou o crime de feminicídio.

A polícia encontrou ambos mortos, Tiemi foi assassinada com um tiro na cabeça e Jucier tirou a própria vida após cometer o crime e foi encontrado com a arma. Tudo aconteceu na presença de um dos filhos do casal.

Mulher é vítima de feminicídio em Iguatu
Jucier Melo se matou após assassinar Tiemi

A motivação do feminicídio

Segundo relatos de amigos e familiares o casal estava morando no endereço há pouco mais de três meses e estavam se separando depois de uma relação de 10 anos e três filhos.

Mayara recentemente tinha recebido ameaças do ex-parceiro, com medo o denunciou na polícia e foi concedido uma medida preventiva de distância o que não evitou o feminicídio de Tiemi .

A polícia esteve no local do crime e ainda conduz as investigações sobre o motivo, mas enquadra o crime como feminicídio.

 

Portal Cabeça Livre (Reprodução autorizada mediante citação do Cabeça Livre com link do site)