Pesquisa revela que mulheres e negros são maioria dos gamers no Brasil

Pesquisa revela que mulheres e negros são maioria dos gamers no Brasil

Muitos não sabem, mas não é a primeira vez que pesquisas revelam que mulheres são maioria no consumo de jogos eletrônicos no Brasil. A 8ª edição da Pesquisa Game Brasil (PGB), o mais importante levantamento anual do setor, reforçou os dados de anos anteriores: 51,5% do público de games no Brasil é feminino. Desta vez, a pesquisa trouxe uma novidade: 50,3% dos jogadores brasileiros se identificaram como pretos ou pardos, enquanto 46% se autointitularam brancos.

Conforme publicação da Infor Channel, ainda que haja uma ascensão das pessoas de classes sociais baixas e médias entre o público gamer, a principal classe social dos jogadores no Brasil ainda é a média-alta, com 27,6%. Smartphones se consolidaram como principal plataforma de jogos no Brasil.

Quem fez

A pesquisa é fruto de uma parceria entre Sioux Group, Go Gamers, Blend New Research e ESPM e ouviu 12.498 pessoas em 26 estados e no Distrito Federal.

 


1000 Caracteres restantes