liberdade

  • Carlos Marighella: político, escritor e guerrilheiro brasileiro é assassinado pelo DOPS

    Considerado inimigo número um da Ditadura Militar, o político baiano, escritor e guerrilheiro brasileiro, Carlos Marighella foi assassinado em uma emboscada do extinto Departamento de Ordem Pública e Social, DOPS, do delegado Sérgio Paranhos Fleury em São Paulo, no dia 4 de novembro de 1969.

  • Simples Rap'ortagem, além da liberdade de expressão

    Segundo a matéria tendenciosa do Fantástico, veiculada no inicio dos conflitos na França, a tragédia na verdade foi motivada por "simples caricaturas". É importante desmistificar um pouco a imagem sobre a França. A começar pela Revolução Francesa, que muitos não sabem, foi feita com muito derramamento de sangue.