0
0
0
s2smodern
Anúncie no #CabeçaLivre - Fale Conosco

“É a primeira vez que venho na Expoaf como criador e para minha alegria saio dela com todo os meus porcos que trouxe vendidos e os que tenho em casa já encaminhado negócio”, afirmou o criador de Orós, Lijerry Lucas.

Nos dias 22 e 23 de junho, aconteceu no Parque de Exposições do Rotary Club de Iguatu a 2ª Exposição da Agricultura Familiar (II EXPOAF) da Região Centro Sul e Vale do Salgado.

O evento é uma realização do Instituto Elo Amigo que esse ano ampliou a exposição para dois dias, mais expositores com produtos diversos, animais, atrações culturais e parceiros que investem na politica publica da agricultura familiar em todo o estado do Ceará.

Números da II Expoaf

Os números são impactantes e envolveu mais de 650 agricultores familiares participando e cerca de 43 vendendo seus produtos, entrega de 654 títulos de terras, atividade da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA) dentro da II Expoaf, mais de 22 mil reais comercializados e um publico de aproximadamente nove mil pessoas nos dois dias de evento.

Para o superintendente executivo do Instituto Elo Amigo, Marcos Jacinto, a II Expoaf vem para mostrar que é possível fazer agroecologia familiar e nessa edição estamos firmando a exposição no calendário do estado e das famílias que fazem a agricultura familiar na região centro-sul e vale do salgado. “Nós do Elo Amigo temos convidados os mais diversos movimentos sociais e governamentais que investem fortemente na agricultura familiar no Ceará e tem dado certo porque estamos conseguindo aproximar o público que desconhece a importância do pequeno produtor familiar que está ai vendendo produtos de qualidade e saudáveis. É nessa ideia que buscamos a Fetraece, os sindicatos rurais e secretarias de agriculturas dos municípios da região para unificarmos cada vez mais a lógica de produzir bem, sem agrotóxico e sustentável”, lembrou Jacinto.

Atrações Culturais

No primeiro dia foram duas atrações, Zé Vicente e a dupla Italo & Renno, no segundo dia foi a vez do tradicional pé de serra com o iguatuense Bêu Paulino & Forró do Sertão e Dona Rosa.

O cantor Zé Vicente que fez a abertura da II Expoaf ressaltou que fazer uma confraternização musical na Exposição da Agricultura Familiar para ele era um presente. “Todos nós temos as características da terra onde nascemos e no sertão do meu Orós e Ceará, mesmo com as dificuldades de pouca água, temos uma fartura de homens e mulheres que querem e produzem com orgulho seus alimentos. Aqui na Expoaf basta parar para ouvir as várias histórias de vidas repletas de superação, eu mesmo estou encantado com o que vi e ouvi, chega de veneno!”, afirmou Vicente.

Apicultura

Entre a diversidade de produtos na II Expoaf, a apicultura estava forte com uma variedade de mel, destaque para a curiosa produção de mel da abelha sem ferrão. As várias conversas entre produtores e técnicos fortaleceu a perspectiva futura da produção regional, lembra o coordenador do projeto Agroapi no Elo Amigo, Christian Arruda. “A perspectiva de envolver mais municípios em projetos semelhantes ao que realizamos hoje no município de Acopiara, que consiste em ampliar e organizar a produção de mel sai fortalecida junto aos produtores que passaram pela II Expoaf”, disse.

O presidente do conselho deliberativo do Elo Amigo, Marcos Silva, tem ressaltado a importância da doação pessoal e participação da equipe da entidade que tem quadros técnicos muito bons a frente da articulação e mobilização de produtores, lembra que todos os produtos são de famílias beneficiadas com as tecnologias de convivência com o semiárido, seja ela cisternas de 1a e 2a água, barreiro trincheira, reúso de águas cinzas, entre outras, que tem feito a diferença e tendo impacto real na melhoria de vida das comunidades e famílias da região. “Quero agradecer a todas as pessoas, entidades e aos parceiros por confiar o Elo Amigo a realização da Expoaf que foi um sucesso, principalmente pela notória ampliação da participação popular e valores comercializados”.

Centro-Sul e Vale do Salgado na FECEAF 2018

No período de 13 a 15 de julho, acontece em Fortaleza a Feira Cearense da Agricultura Familiar (FECEAF) que deve reunir uma grande diversidade de produtores de todas as regiões do Ceará. Da região Centro Sul e Vale do Salgado vários produtores que estiveram com seus produtos na II Expoaf estão garantindo participação na FECEAF 2018 e cada agricultor está levando na bagagem uma média de R$ 2.500 reais em produtos para comercializarem nos três dias de evento.

Você sabe o que é Agricultura Familiar e sua importância?

Agricultura familiar é o cultivo da terra realizado por pequenos proprietários rurais, tendo, como mão de obra, essencialmente, o núcleo familiar. Desde 2015, a agricultura familiar vem sendo responsável por mais de 80% da produção mundial de alimentos e por 90% das propriedades agrícolas.

Saiba como foi a I Expoaf

I EXPOAF reúne parceiros e movimenta a Agricultura Familiar da região

 

Fonte: www.eloamigo.org.br


BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

Boletim Eletrônico

Receba nossas notícias em seu e-mail:


Somos FeedBurner e contra SPAM