Veja fotos dos dois primeiros dias de Guerra entre Rússia e Ucrânia
Veja fotos dos dois primeiros dias de Guerra entre Rússia e Ucrânia

Veja fotos dos dois primeiros dias de Guerra entre Rússia e Ucrânia

Mortos começa a ser contabilizados, no dois primeiros dias de guerra foram 137 mortos e 316 feridos, desse total foram 02 civis mortos.

As informações foram dados pelo presidente Russo, Vladimir Putin, que declarou nesta sexta-feira, 25/02, que a operação militar especial na região de Donbass, onde ficam as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk (RPD e RPL, respectivamente) foram realizadas com sucesso e hoje foi também foi completada a tomada de região de Chernobyl.

Chernobyl

Um dos reatores explodiu em abril de 1986. As emissões nucleares do acidente foram equivalentes às emissões de 400 bombas atômicas como a que foi lançada pelos Estados Unidos nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki que matou mais de 250 mil pessoas, no final da Segunda Guerra Mundial.

A região ao redor da antiga usina não é habitável e é conhecida como Zona de Exclusão.

Sem ataques aéreos

Putin também informou que as Forças Armadas Russa não realizam ataques aéreos, de foguetes ou de artilharia contra as cidades da Ucrânia e que soldados estão se rendendo.
As tensões entre os dois países já vinham aumentando nos últimos meses, devido a uma aproximação da Ucrânia com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) e à possibilidade de instalação de poderosos armamentos ocidentais perto das fronteiras russas.

Para Moscou, a possível adesão da Ucrânia à aliança ocidental ultrapassa todos os limites aceitáveis, ameaçando gravemente a segurança russa. Apesar dos diversos apelos diplomáticos feitos pelo Kremlin na tentativa de que os Estados Unidos e seus aliados europeus entendessem, nenhuma cordo diplomático foi firmado e a guerra acabou sendo inevitável.

Leia também:

Putin anuncia operação militar especial da Rússia na Ucrânia

Primeira ação da Rússia desativou 74 instalações militares da Ucrânia

Veja fotos da guerra

 

Fotos das Agências de notícias e governos da Rússia e Ucrânia