0
0
0
s2smodern
Anúncie no #CabeçaLivre - Fale Conosco

A politica brasileira ganhou espaço no enorme telão de LED do primeiro show do Roger Waters, pela turnê US and Them, na Arena Allianz Park, em São Paulo. Na noite desta terça-feira, 09/10, o artista e um dos fundadores da banda Pink Floyd provocou aplausos do público presente ao enquadrar o candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) como um neofascista.

Na lista, exibida durante o concerto, Waters apresentou nomes de fascistas e os respectivos países. Bolsonaro, representando o Brasil, apareceu ao lado de líderes como Donald Trump (Estados Unidos), Vladimir Putin (Rússia) e os premiês Viktor Orbán (Hungria) e Jaroskaw Kaczynski (Polônia). A projeção também ganhou as cores da bandeira LGBT e exibiu a #Elenão.

No Brasil show de ex-membro e fundador do Pink Floyd, Roger Waters, enquadra Bolsonaro como neofascista
O show mostrou o #EleNão e o publico veio ao delírio [Foto: Divulgação]

Conhecido por se posicionar politicamente durante as atuações, Roger Waters, 75 anos, cumpriu com a promessa que fez durante uma coletiva de imprensa sobre a turnê, concedida no fim do ano passado. Segundo ele, os shows iriam avisar às pessoas de que governantes pouco capacitados estão no poder.

 

Escrito com informações das agencia de notícias

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS