aposentadoria

  • Dilma sancionada lei que dispensa idoso de perícia médica periódica no INSS

    A presidenta Dilma Rousseff sancionou sem vetos a Lei 13.063/2014, que dispensa aposentados por invalidez com mais de 60 anos da realização de perícia médica periódica para manter o benefício. A partir de agora, a aposentadoria se torna permanente, sem a necessidade de realização de qualquer tipo de exame.

  • Mais de mil pessoas ocuparam as ruas de Iguatu na Paralisação do dia 13 de Agosto

    Do Invertebrado - Na manhã do dia, 13/08, aconteceu a Paralisação Nacional que envolveu todo o país. O município de Iguatu localizado na região centro-sul do Ceará fez a convocação via Sociedade Civil Organizada e conseguiu mobilizar mais de 1.500 pessoas, entre eles estudantes, professores, trabalhadores de vários outros setores da sociedade, partidos, sindicatos e populares, para se manifestar contra os cortes financeiros, sucateamento e fim da Educação Pública do Brasil e também contra a Reforma da Previdência que acaba com a aposentadoria dos trabalhadores brasileiros.

    A concentração aconteceu na praça Eleazar de Carvalho (praça da Caixa) no centro de Iguatu, o comboio de pessoas com faixa, cartazes e gritos de ordem, seguiram pelas ruas Floriano Peixoto, Eduardo Lavor, Avenida Agenor Araújo, até chegar a sede do INSS que fica na rua engenheiro Wilton Correia Lima no Prado.

    A mobilização que seguiu o centro comercial recebia apoio dos diversos populares do comércio. “É um absurdo a forma como está sendo tratada a velhice do brasileiro por esse Bolsonaro, estou aqui na porta do meu comercio apoiando vocês”, disse a comerciaria, Carmezinda Alves.

    O ato encerrou com falas e convites para o evento cultural que estava agendado para às 18h na praça da Matriz e contou com a participação de jovens que debateram a conjuntura nacional e a pouca falta de perspectiva de oportunidades no futuro com a remoção de direitos que ocorre hoje a república.

     

    Mais de mil pessoas ocuparam as ruas de Iguatu na Paralisação do dia 13 de Agosto
    O comboio de manifestantes seguia pelas ruas do centro recebendo apoio de populares e de comerciantes locais [FOTO: Rikáryo Mourão]

     

    “Caso o governo continue não pensando no povo brasileiro como um todo, a juventude vai continuar na rua gritando pelos seus direitos, se não adiantar a massa popular ferida vai parar o país, digo isso baseado na história do próprio Brasil que se levanta contra tiranos sempre no último suspiro”, disse o estudante de pedagogia, Caio Souza.

    >> VEJA AQUI GALERIA DE FOTOS! <<